Bitcoin Cotação

terça-feira, 12 de fevereiro de 2019

#26.1 [RELATO] Me fodendo na Segunda chuvosa de SP; Assisti Creed 2 ; 2019 com mudanças e ainda motivado


Sexta passada fui assistir Creed 2, para quem não sabe sou fã da franquia de filmes do Rocky Balboa, basicamente Rocky é um betão de 30 anos sem perspectivas de vida que após ter "a Chance" (lutar contra o campeão dos pesados) a aproveita e muda de vida, é o sonho de todo fracassado como eu, um fato estranho que muda a sua vida. Falando sobre o filme, gostei, acredito que não foi tão bom quanto o primeiro, pois poderiam ter aproveitado mais os vilões (Ivan Drago e o filho dele, Viktor), fora que faltou aproveitarem outros personagens e não gostei da primeira luta, a segunda foi boa e a terceira por um detalhe não foi melhor que a luta final do primeiro, mas no geral foi um filme impactante e motivante, joga boas reflexões para o público, claro que o gado não irá perceber rsrs, coisas como as pessoas ficarem do seu lado pela fama e abandonarem você nos momentos de dificuldade, o uso politico do esporte, os altos e baixos da vida e como nós devemos sair por nós mesmo do fundo do poço, tem outras, mas não vou ficar aqui falando, pois não sou critico de cinema.


Vejam como esse país é uma merda bixo, sai para trabalhar hoje de manhã(primeira segunda de fevereiro), fiquei uns 40 minutos esperando ônibus, depois soube que por causa das chuvas na madrugada alagou a avenida principal, causando congestionamento (vi no maps que tinha acidente em outro acesso e mais congestionamento), eu moro há +50km do centro, liguei para uma colega e informei que chegaria tarde (mais de meio dia) e talvez não conseguisse nem chegar, porque não tinha nenhum ônibus chegando ou saindo do bairro, dos bairros vizinhos ou do terminal onde havia filas imensas, gente voltou para casa a pé (uma mulher disse que saiu as da manhã e já estava tudo parado, eu sai as 7h) por sorte me safei de trabalhar e troquei uma folga (do banco de horas). Agora vem o mais impressionante, o córrego que alaga a avenida já causa esse problema há DEZ anos ou mais e nunca resolvem. Eu me safei, agora imagine a maioria das pessoas que podem ser demitidas por chefes tetinhas que não querem nem saber de problema de gente pobre? Eu mesmo já perdi oportunidades de emprego por morar no fim do mundo. Enquanto isso trouxas ficam mamando pica de políticos imundos que só sugam dinheiro do povo.



Mais do que nunca fiquei pensando no plano de morar sozinho próximo ao serviço (custo alto) ou em voltar a fazer auto escola e comprar uma moto logo em seguida (custo altíssimo) ou em como eu poderia morar no interior, sei lá, pedir transferência (custo alto), mas ai perderia já quase 1k em um ano, porque ficaria sem um adicional e até o órgão me autorizar novamente o pagamento levaria quase um ano e não me pagariam retroativo, além dos gastos com mudança, moradia, fora que pode atrapalhar um processo meu que está rolando e outros objetivos pessoais do curto a médio prazo.


Outro fato relevante é que mudou o chefe da repartição, quando muda o governo isso sempre acontece com a direção dos órgãos, meu chefe é um beta tetinha, cinquentão, aparentemente gente boa, mas já começou a ser manipulado por uns alfas puxa-sacos e a tendência é a fazer umas trapalhadas no começo (já mandou um beta embora do setor por fofoquinha dos alfas, um dia depois o beta já estava lá fazendo o antigo serviço emprestado por um dia, PQP!), eu não sei se continuarei no setor onde estou cedido ou se voltarei para o meu. Agora ficou escancarado como essa merda de funcionalismo público é um jogo de xadrez social, ocorreu o Game of Thrones digno de um post (farei caso não esqueça, me lembrem), acredito que serei mantido, pois ele me perguntou se eu queria ficar e ainda não dei vacilo e espero não dar, meu ex-chefe tentou me puxar de volta para aquela merda onde eu tinha de aguentar uma M$ol FGV (feia, gorda e velha) e arrogante, que ganha mais que eu e se aproveitava do trouxa aqui para faltar e emendar feriados.

Não é querendo me gabar, mas após eu sair do antigo setor deu um baque inicial, pois eu era bem colaborativo (cof cof) trouxa, deu um puta atraso no serviço que eu fazia, e que poderia muito bem ser remanejado para outras pessoas, pois tem funcionários no setor, mas ninguém queria fazer a minha função, fora que jogavam tudo de novo que aparecia para mim (tipo fazer a frequência mensal, enviar documentações para N órgãos por e-mail, transferir caixas de arquivo, fazer serviço de colegas em férias e ajudava a receber material na ausência dos titulares da seção), admito que recebi essa carga por culpa minha.

Aquela minha "paixonite" perguntou se eu voltaria a trabalhar lá (ela agora trabalha no meu antigo setor na área dela e acredito que já concluiu o projeto mestrado), deve ser só pelo atraso dos documentos que eram minha responsabilidade antes de eu ser transferido, não sei se foi devaneio meu, mas após passar pela sala dela ela olhou para mim, pegou a garrafa e foi para a copa pegar água, onde eu estava conversando com um amigo, já é a segunda vez que aconteceu algo parecido, pode ser a sorte, mas eu não parei de ficar arrastando essa merda. Teve uma vez um mês antes em que eu estava na copa e ela foi conversar e eu só falamos o básico. Falo que é devaneio, pois ela sempre está no celular com contatinhos e eu vi que ficar nesses devaneios de virjão em 2018 não me trouxe nada de bom, só relatei pois lembrei agora. Não sei se pelo consumo de pornografia ou a real jogada na minha cara em tantos anos, mas o que eu quero com uma mulher é apenas sexo, parei com sonhos de relacionamento, não sei se isso é grave, mas...


Para finalizar, bati o record de tempo motivado e focado, estamos em fevereiro e eu ainda não tive aquela queda psicológica, geralmente eu só ficava 15 dias no gás e depois decaia, estou relativamente feliz, um pouco resiliente ou seria antifrágil? Não importa, estou mesmo que a passos de tartaruga fazendo o que projetei para 2019, dando um passo de cada vez, um soco de vez e um round de cada vez (acho que é do Rocky essa frase). Espero nesse fim de ano ter novidades boas. Abraços.

Um comentário:

  1. Trabalhar é uma merda.

    Mulheres tem centenas de contatinhos pretendentes. Você só ia entrar na fila de reserva.

    ResponderExcluir